A ferro e fogo: A História e a devastação da Mata Atlântica brasileira

livro

A ferro e fogo: A História e a devastação da Mata Atlântica brasileira

Livro de Warren Dean, um dos grandes nomes no ramo da “História Ambiental”, que é a disciplina que estuda o histórico de ocupação e utilização do meio ambiente pelo homem. Mostra como a Mata Atlântica foi ocupada e destruída durante os vários ciclos econômicos do país.

O autor nos reconta boa parte da História brasileira. O livro da ênfase no processo de ocupação do território, utilização dos recursos naturais, desenvolvimento da cultura nacional e a relação com a mata.

Como o livro foi escrito em 1990, e seu autor já faleceu, a obra se encontra desatualizada em certas áreas.

“Além de fazer com que o leitor entenda porque as coisas no Brasil hoje são como são, o livro é importantíssimo ao navegante que busca desenvolver a questão de identidade nacional, seja por razões filosóficas ou por questões práticas de aprender a se adequar ao território em que se vive”.

(Maria Clara)

(fonte: pesquisas na Internet)

Gastando a Sorte

Acertei 3 pontos na QUINA. O prêmio é de apenas R$ 64,24! Para os que acham que gastei a “sorte” com pouca coisa vou informar que estou apenas me “aquecendo” – me preparando – para a vida de milhonário!

QUINA_premiada_3ptos

Verdade seja dita: Foi Soninha quem marcou o cartão.

(wagner)

Bilhetinhos …

É impressionante como o valor que damos às coisas varia.  O que vale um pedacinho de papel com alguns desenhos? Se for papel moeda, vai valer muito para a maioria de nós mortais trabalhadores.

Guardo na biblioteca dezenas de bilhetinhos que recebi das minhas filhas. Da mais velha já não os recebo há um bom tempo (”Natal”, “Aniversário” e “Dia do pais” não contam), mas da pequenina… que produção literária e pictográfica! Hoje recebi os que estão logo abaixo.

Bilhetinhos

É claro que elas sabem que estas pequenas obras de arte tem um grande valor para nós. Afinal este deve ser um dos motivos para sua extensa produção.  Mas observo que conforme elas vão crescendo, por algum motivo que eu não sei bem qual é, vão instalando uma crença de que os bilhetinhos não são mais importantes, ou que perderam o valor.

Faça o meu registro:  Espero nunca deixar de recebê-los.

(wagner)

Tô com sono…

Estou morrendo de sono e meu marido quer que eu fique acordada para apresentar este blog que está sendo inaugurado.

Estou fazendo este “post” para me ver livre e ir dormir.

(Soninha)

Vida de estudante – expectativas!

Amanhã começo mais um curso. Vou estudar “Análise e Desenvolvimento de Softwares” na Estácio de Sá.

O curso será à distância e o conteúdo relacionado a uma área com a qual trabalho à mais de 20 anos. Mas então por quê a expectativa? Vou ser “coleguinha” de turma da minha filha.

(wagner)

21.02.2010 — 6 km — (142/1000)

Hoje eu e Soninha fizemos um trajeto diferente.  A partir do nosso condomínio, caminhamos pelas ruas do bairro de forma aleatória uns 2,5 km até sairmos no hotel canto do sol.

Então atravessamos para a praia,  tomamos uma água de coco e fomos até o trecho que está em reformas.

(wagner)