Remaria da Penha 2017 – Jardim Camburi VA’A – Apreciando a paisagem

Esse foi o primeiro passeio longo que fiz em companhia da minha equipe de remo do JC VA’A, a Remaria da Penha/2017. Foi um circuito que faz parte das comemorações da Festa da Penha, padroeira do Estado do Espírito Santo. Aproveitei para Clicar as paisagens da Cidade de Vitória e Vila Velha, e a ter uma experiência maravilhosa que permitiu ver a Cidade de Vitória e Velha em um ângulo que eu não havia tido ainda a oportunidade de ver.

Atravessamos a baía de Jardim Camburi remando de Canoa Havaiana até a Praia do Ribeiro, em Vila Velha, para encontrar com outras embarcações, logo cedo. Chegamos na praia as 7:00h da manhã, tomamos nosso cafezinho com bolos e biscoitos compartilhados e os famosos brigadeiros feitos pela irmã da nossa amiga Bianca Caroselli. Pegamos o kit com camiseta e pulseira, depois, seguimos entre canoas, stand ups, dentre outras embarcações para a prainha de Vila Velha para a benção do Frei responsável pelo Convento da Penha, passando por debaixo da terceira ponte. Ao todo, entre ida e retorno a Jardim Camburi, um bairro de Vitória, remamos uns 18 quilômetros. Trabalho em equipe nas remadas, diversão, comilança (de sanduíches, cafés e brigadeiros), e ainda contemplados com 5 brindes dentre nossos companheiros de equipe.

Nosso Capitão Amarildo com muita destreza nos guiou nesse dia de contemplação à natureza, a amizade e a fé.

Juntando o grupo para iniciar nosso passeio.

Juntando o grupo para iniciar nosso passeio.

Reunindo os homens.

Reunindo os homens.

Reunindo as mulheres.

Reunindo as mulheres.

Só as mulheres.

Só as mulheres.

Dia lindo de se ver. A melhor equipe.

Dia lindo de se ver. A melhor equipe.

Registros: o caique amarelo.

Registros: o caiaque amarelo.

Remando em Alto Mar

Remando em Alto Mar

Bianca, nossa voga. Vaiii canoooa.

Bianca registrando momentos. Vaiii canoooa.

Eu e minha amiga Bianca. Aventureiras.

Eu e minha amiga Bianca. Somos aventureiras.

Eu e meu esposo Wagner, encarando a aventura juntos.

Eu e meu esposo Wagner, encarando a aventura juntos.

Giana com pose de modelo.

Giana com pose de modelo.

A vista da Terceira Ponte. Dia de Festa

A vista da Terceira Ponte. Dia de Festa

Remando devagar.

Remando devagar.

Standups. Linda imagem

Stand Ups

Aguardando a largada

Aguardando a largada

IMG-20170423-REMARIA DA PENHA (3)

A chegada, ao final do passeio.

A chegada, ao final do passeio.

Pose final.

Pose final.

(Por Sonia Ferreira)

JARDIM CAMBURI VA’A – CANOA HAVAIANA – PRESERVANDO A NATUREZA

Mais do que aulas de remo. São encontros de amigos que apreciam a natureza e aproveitam para manter o corpo e a mente em exercício.

Nossos treinos são sempre estímulos para que preservemos a natureza, com muito respeito ao mar e seus habitantes.

Percebemos que muitas pessoas não estão tão preocupadas assim, haja vista o resgate de “Aloha” (assim denominada), uma tartaruga que foi resgatada no dia 05 de julho pela equipe de remadores do JC VA’A. Esse momento foi registrado por nossa colega de equipe, Giana Tonini, que junto a equipe, chamaram o resgate para tratamento de Aloha. Todo esse momento, desde o resgate e o acolhimento foi registrado e televisionado por jornais locais e jornal nacional. Que bom que Aloha está bem, se recuperando para voltar ao mar.

http://www.folhavitoria.com.br/videos/2017/07/14992783231028154582.html

VID-20170705-WA0015

Richard Hoey  - Foto de Giana Tonini

Richard Hoey - Foto de Giana Tonini

Rodrigo Pompermayer com Aloha. Foto de Giana Tonini

Rodrigo Pompermayer com Aloha. Foto de Giana Tonini

VID-20170705-WA0031

ALOHA

ALOHA

Aloha sob cuidados.

Aloha sob cuidados.

Muitas vezes percebemos  lixo jogado na areia da praia, incluindo as sacolas plásticas que acabam sendo levadas para o mar e ficam submersos, atraindo a curiosidade dos animais que acham ser algum alimento. Acredito que ao ingerirem as sacolas, por exemplo, entopem o esôfago e ficam sem ar, morrendo asfixiados. Vemos muitas tartarugas boiando em alto mar, cascos dessecados em praias sem acesso a pedestres que encontramos em nossas paradas de descanso para voltarmos ao mar. Geralmente, esses restos de animais e lixos são levados pela maré.  Acho que a conscientização deve ser de cada um de nós, desde levar sacolas para colocar o lixo produzido na praia para o depósito correto, que será levado para um  local apropriado de reciclagem. A  pesca predatória também é um problema, principalmente com redes, pois além de peixes, as vezes, presas nestas vem tartarugas, golfinhos, dentre outros animais.

Nosso desejo é podermos contemplar a beleza das nossas praias, usufruir do que o mar pode nos oferecer, com consciência.  Esperamos não encontrar esses animais mortos, mas nadando em volta da canoa, tirarmos fotos dos golfinhos pulando em alto-mar, e respirar o ar puro com cheirinho de maresia.

Parabéns a equipe do dia 05 de julho, que tomaram as devidas providências em prol da natureza: Giana Tonini, Amarildo, Rodrigo Pompermayer, Richard Hoey, dentre outros.

(por Sonia Ferreira)

BAUERMALEREI – PINTURA CAMPONESA

Até bem pouco tempo não conhecia a pintura Bauermalerei. Viajei para o Rio Grande do Sul, Gramado e Canela, e sei que lá tem algumas pinturas nesse estilo, mas não nos atentamos para um objeto se não estamos focados nele. Assim, no decorrer de um curso de formação de professores que estava aplicando junto com outros profissisonais da educação, em Domingos Martins, tive o privilégio de saber um pouco da história dessa pintura e entender o quanto ainda temos que aprender e compartilhar com o outro.

As pinturas tem uma simetria no desenho e as cores vivas. A princípio, parece fácil, e realmente é, mas precisa de treino para fazer a “virgula”, como diz a coordenadora do Polo de Domingos Martins, Maria Aparecida Trarbach.

No curso de formação, pudemos presenciar a construção e criação de objetos com essa técnica, e os resultados realmente ficaram excelentes. Parabéns meninas, vocês arrasaram.

2012-12-08 15.56.10

pintura Bauer

pintura bauerpintura bauer

Abraço

Sonia Ferreira

Coelho?

doll-stick#2 (andarape)

Eu fiz uma ilustração de uma piada no paint, espero que gostem.

Nossas plantações

Eu e Maria Clara começamos nossa horta meio desorganizada, no impulso de ver algo brotando da terra.

PICT0121

Aos poucos, a grande quantidade de frutos/sementes que gostaríamos de colher foram surgindo. Houve a necessidade de reorganizar nossa “hortinha”, que já nem cabe mais tantas mudas, sobraram muitas…mas arranjaremos outro lugar para plantar (com organização e beleza). Agora nossa “linda hortinha” tem divisões, com plantação de batatas, couve, majericão, cebolinha, salsa, coentro, tomate cereja, quiabo, hortelã, poejo, cidreira, agrião, dentre outros…pena que no último final de semana choveu, mas não perdemos a coragem, e plantamos assim mesmo.
PICT0342

PICT0343

Ainda pudemos desfrutar uma das últimas mexiricas da estação, completamente madura e doce.

PICT0365

(Por Sonia Ferreira)

Educação Infantil- dicas de sites interativos

Estava elaborando meu planejamento de aula, sobre Infância – Educação Infantil, e nas minhas “andanças virtuais”, encontrei um sites muito interessantes que podem auxiliar o professor na elaboração, bem como interagir com a criança, utilizando a mediação virtual. As crianças estão vivendo num mundo onde a informação e a internet estão soberanas, e aliando isso à educação, pode tornar essa aproximação ao mundo virtual de forma mais qualitativa.

A internet é uma ferramenta importante para encurtar distâncias, estreitar laços, e para o desenvolvimento do conhecimento. Se a escola media, mostrando à criança a melhor forma de uso dessa ferramenta, creio que tornara a sua experiência muito mais intensa. Além disso, o professor atento a essas novas formas de comunicação, se aproxima do aluno, por se enquadrar dentro do universo mediático, já que eles muitas vezes dominam essa linguagem com mais facilidade. Nesse contexto, ambos ensinam e aprendem. Acho que isso que é o que me encanta na educação, esse devir, um aprendizado constante, não só de formação, mas para a vida.

Abaixo cito alguns sites muito interessantes para acesso, não só para professores e crianças, mas para os pais acompanharem seus filhos em atividades voltadas para elas.


No site http://sitededicas.uol.com.br, o título “Escola, informática, educação e crianças”, já diz tudo. Traz, dicas de maternal, contos, atividades, fábulas, dentro outros.

Se a escola tiver um laboratório de informática, o professor pode trabalhar com as crianças várias atividades.

Este site: http://www.educacional.com.br/ed_infantil_new/ed_infantil.asp, é interessante, porém não é possível acessar todos os conteúdos sem se cadastrar.

Traz dicas de trabalho desde a Educação Infantil e o Ensino Médio.

http://www.kidleitura.com
Kidleitura, tem acesso gratuito, e traz muitas atividades, com interação, auxiliando na leitura das palavras. Muito interessante.

Até mais

(Sonia Ferreira)